terça-feira, 31 de janeiro de 2012

prazer, meu nome é estupidez


oi peoples e formiguinhas (e gente do mal)
tipo assim: mentir pra si mesmo é sempre a pior mentira.
vou começar dando a real: eu estava com fulaninho ontem, e ele falou de um deputado la de recife, que óbeveo eu conheço, e ele estava dizendo como o conhecia da Camara e tal... e eu disse que filho do deputado era um tremendo galinha. e lá em recife, ano de eleiçao é ano de festa todo dia (antigos: comícios). e que eu tirei uma foto do comicio deste deputado. e que amanha, no caso hoje, eu iria mostrar. tai. gostou? otimo. eu adorei ontem. adorei o papo. adorei dançar forró. e nao me arrependo de ter deixado rolar uma coisa que da ultima vez eu nao deixei e me arrependi. sabe, o que me incomoda? dai lembrei que ele falou que ia passar o carnaval comigo. ele disse que lembra que embaixo do meu bloco que ele falou que tinha marcado com uma "amiga" de ir pra ilhéus. eu respondi: sim voce falou, mas depois, e eu lembro exatamente: estavamos na piscina, vc disse que ia desmarcar com essa "amiga". belesma... olha, ontem eu tava mal pacas. por isso chamei ele... porque eu sei que ele gosta de mim. eu é que tenho que deixa-lo. po, até minha parea disse ontem no celular pra ele: ah, nao acredito que tu ainda tá com esse cara! venha tembora pra ca. enquanto ele vai pra outro lugar, voce vai vir se divertir muito com suas amigas e ver muitos tutubas!
fernandas nao medem palavras. nunca duvide. porque ela é minha parea? advinha como ela se chama? alias, ela se chama é feio né? advinha qual o nome dela? rs
agora eu rio, mas ontem eu chorei. porque toda vez que a gente fica, depois eu choro, sabendo que ele vai pra casa... e da ultima vez que conversamos isso, ele falou: olha, nao fica falando besteira que voce nao sabe um decimo do que acontece. só porque eu disse que ele ia pra casa e, melhor nao entrar no mérito... realmente eu nao sei. ele nao conta e eu nao sou cigana pra adivinhar!(se estiver escrito errado, culpem o corretor do firefox)
eu estou com uma penca de problemas e nao quero mais um.sabe aquela história que eu escrevi de aceitar as escolhas. quem estava escolhendo era eu. eu escolhi colocar-lo na parede e ele ficou mal. entao eu escolhi que nao tenho nada a ver com o problema do outros. tenho muitos ja. e pra ser sincera nao estou com cabeça pra resolver nenhum deles. depressão? pode ser. semana que vem tenho psiquiatra e psicologa. Bem, vamos falar abertamente: eu nao sei quanto tempo de vida eu tenho, mas sei que nao é muito. entao eu vou fazer as coisas de acordo com meu ritmo, minha vontade. eu to sendo totalmente masoquista. eu estou sendo ingrata aos meus amigos. eu estou sendo egoista com quem me quer como unica e pra sempre. nao deixar alguem se aproximar de mim porque, quando estou com saudades é com ele que eu fico. é pra ele que eu escrevo emails. é pra ele que eu peço colo. é pra ele que eu canto. eu tenho que aprender com essas mancadas que ele dá. e NAO SEJAM BURRAS, APRENDAM COMIGO. NAO PASSEM PELA MESMA COISA! se eu venho a publico, contar e uma tapada ainda insiste, caraí... nem desenhando voce vai aprender minha filha! eu sim. eu nao sou orgulhosa. eu me permito sentir. e agora eu me sinto confusa e deprimida com todas as coisas que estao acontecendo. vou explicar uma coisa, na pratica: quando voce esta gostando de duas pessoas, geralmente, o comodismo, leva voce a se afastar da segunda pessoa (a que chegou depois), pra voce esquece-la. sim, isso aconteceu. se isso acontece, e quando a segunda pessoa volta, voce continua sentindo algo por ela, é porque voce nao tem coragem pra deixar a primeira (olha o comodismo aí). entao, voce cria mil modos de fazer a segunda pessoa tomar a iniciativa de se afastar de voce. porque ela tem um espaço muito grande no seu coraçao. voce ama. quando voce ama, e é correspondido, por mais que tente se afastar ou nao querer mais, VOCE NAO CONSEGUE. é o amor, como diz a musica brega!
ta todo mundo sofrendo nessa espelunca. quem ta se sentindo traida? eu! porque ele nao fala nada sobre o que acontece e nem fala sobre ela, como se nao existisse. e dai, faz pequenas coisas que sao grandes demais quando voce ja tem um laço afetivo forte. essas pequenas coisas, sao cruéis. são essas pequenas coisas que estao destruindo o que eu sinto.
sabem... eu tenho que admitir que estou em depressão. nao ta dando. esse concurso, esse ritmo de estudo, minha avó estar doente, meu carro, minha saude, mais uma sabatina numa banca na UNB, tudo... ele, é o menor dos meus problemas. ele nem é um problema, mas as pequenas atitudes dele é se me machucam as vezes. vale a pena? nao sei, porque quem tem pena é galinha. só sei que esta acontecendo um tusnami na minha vida e eu nao vejo um bombeiro pra me ajudar.
acho que estou mentindo. ontem eu mandei um email para algumas pessoas porque eu nao queria desabafar no blog. muita gente tira força do que eu escrevo, do que acontece comigo, mas tem muita gente mau. tem muita gente que nao gosta de mim. pera, esqueci de tomar os remedios. grandes demais essas capsulas da oncologista. fazer o que?  onde eu parei... ah, eu mandei um email desabafando quando eu vi os numeros do concurso e tudo mais... e recebi respostas de pessoas que nem aqui moram, perguntando como poderiam me ajudar... por isso eu digo que Deus é bom demais comigo. meus amigos, sao minhas jóias.  e nao tem preço tá? eu preciso reunir forças. eu chorei muito quando li hoje as respostas do meu email de ontem. as pessoas me acham tao forte, tao inteligente, tao guerreira... mas eu no fundo, sou uma criança que se perde no shopping. eu nao sou. desculpem, mas eu nao sou tudo isso. é chorando muito que eu admito: eu nao sou tudo isso. nao sou tao forte, tao inteligente, tao boa, tao...fenix. eu estou tao cansada.estou tao confusa. tao fraca. foi tao bom dançar forro ontem. porque ele faz essas coisas? o que se passa com a cabeça e o coraçao dele? nao sei, mas sei que ele tem tentado me afastar dele. e esta conseguindo. mesmo que o sentimento por mim for mais forte, ele esta... sei lá. ele nao se abre. como eu vou saber. quando eu pergunto algo assim pra ele, ele responde: a psicologa aqui, é voce!
eu nao mereço ficar sentada na rua de noite chorando, quando eu na verdade pedi ajuda pra ele. e eu estou cada vez me sentindo mais cansada. KHASTA. 
tudo estava tao bom... mas eu explodi nele, sabem? a gente sempre desconta em quem a gente mais gosta, com quem mais convive. e... juntou tudo, mais bebida, mais um motivo qualquer, e puf! eu tenho afastado todos de mim. chego a magoar meus amigos/as que se importam mais. e nao foi diferente. eu sou muito estupida, impulsiva, chorona... sabem? eu to numa fase péssima da minha vida. acho que nao sou boa compania pra ninguem. acho que tenho mesmo que me afastar de todo mundo. isso inclui familia, amigos, e amores... eu sou mesmo tudo aquilo que minha mae sempre falou.
eu venho sentindo sintomas, são dores no peito, meu braço esquerdo começa a doer, e ficar paralisado, ate chegar no coraçao. uma dor aguda. minhas maos e meus braços fazem movimentos involuntários. meu cabelo esta caindo cada dia mais. e me sentir tonta, a ponto de nao ter controle sob meu cerebro... alguns anos de medicina, ja são suficientes pra entender. mas meu filho precisa de mim. entao Papai do Céu, acho que dou conta de aguentar tudo isso mais um pouco. pelo meu filho e pela minha avó, e vou lutar até meu ultimo minuto nesse plano. só não deixa acontecer uma metastase. já dói muito. fisicamente, emocionalmente e psicologicamente.
MINHA AVÓ ACABOU DE CHEGAR DO MEDICO!! ADVINHEM? PORRA, CARALHO, NINGUEM ACREDITA EM MIM PORQUE EU NAO TENHO A MERDA DO CRM! EU DISSE, QUANDO COMEÇARAM OS SINTOMAS: É INSULFICIENCIA CARDIACA! EU TENTEI DESENHAR O QUE ESTAVA ACONTECENDO! NINGUEM ACREDITOU EM MIM. PENSARAM E AFIRMARAM QUE ERA EFIZEMA. PULMAO. PORRA. O MEDICO DISSE QUE ELA NAO PODE NEM ANDAR! CARAMBA. NAO, DEUS, NAO LEVA A MINHA AVÓ ANTES DE MIM... EU TENTEI DURANTE 3 MESES ALERTAR TODO MUNDO. EU FALEI E ME JOGAM NA CARA QUE EU NAO FORMEI E TENHO CRM. E SÓ MINHA AVÓ ACREDITA. ELA DISSE PRA MINHA IRMA: A NANDA TA FALANDO QUE É ISSO HÁ MUITO TEMPO... A NANDA FALOU QUE ERA CORAÇÃO... ô meu pai, eu consegui tratar dela a ultima vez, na cara e na coragem, sem nem ela mesma acreditar. e agora? eu sou muito egocentrica. pensar em carnaval, em amores nao resolvidos, em carro, em mim... EU IMPLORO QUE NAO LEVE MINHA AVÓ ANTES DE MIM. SÓ POR ELA EU AINDA ESTOU AQUI. eu nao posso viver sem minha avó. nao. como eu sou... sei lá. o pior é que eu sempre acerto o diagnostico. sempre! mas mesmo assim, eles querem ouvir de um profissional qualquer da area!
Me mostra o caminho, que eu vou. mesmo que eu me machuque, mas nao machuca as pessoas que eu amo e me amam. alias, acho que todo mundo me ama, menos eu e a menina do canada. (as formiguinhas me amam muito). no fim do email, ontem eu escrevi, e vou pedir pra voces tambem:
onde esta meu sorriso? onde esta a Fernanda alegre, maluquinha animada, boba? se alguem acha-la por ai, por favor, peça pra que ela volte. se possivel, traga pessoalmente.
ela gosta de brincar, e com certeza, iria se esconder ao me ver chorar.

2 comentários:

caixoteiro disse...

Poxa, entra com recurso, dessa vez vão cair na sua historinha de anedóta.
Já voltaram a falar de você no Orkut, passa lá para rirmos juntos.

Vivian Fernanda ou Fefeia disse...

Ahhhhh, po, olha só, como vc leu, eu to doente, minha avó ta super doente, mil coisas acontecendo... decisão minha nao entrar. meu advogado me ligou ontem. nao ha lei no brasil pra esse assunto. e se eu for lá, vao me magoar, porque eles nao tem limite. é facil fazer chacota, mas eu nao desejo pra nenhum deles um décimo do que eu to enfrentando. minha avó esta muito, muito doente. eu nao vou perder meu tempo pra me magoar com pessoas sem carater nenhum. Com certeza, isso nao melhora minha situação e minha fé. mas muito obrigada por me avisar. é bom saber que existem pessoas de bom coraçao. Abraços